Escola de Regressão

APRESENTAÇÃO


A Escola de Modelos de Regressão (EMR) é um evento científico na área de Estatística, de repercussão nacional, sendo organizado pela Associação Brasileira de Estatística (ABE) que, em 2019, se encontrará em sua 16ª edição. Trata-se de um importante fórum para a difusão dos avanços da modelagem estatística nas diversas áreas do conhecimento. A cada biênio a EMR tem sido realizada em um Estado brasileiro, sendo que a 13º EMR foi realizada em São Sebastião-SP, a 14º EMR em Campinas-SP e a 15ª EMR em Goiânia-GO.

O evento reune em torno de 350 participantes ao longo de 3 dias de intensas atividades. Tem uma sólida participação de professores e pesquisadores nacionais e internacionais de Universidades e Instituições de Ensino Superior, profissionais do mercado, alunos de graduação e pós-graduação de diversas áreas do conhecimento: tecnologia, educação, saúde, finanças, economia, marketing, entre outras! 

Em 2019, a EMR acontecerá na Pousada dos Pireneus, em Pirenópolis-GO, entre os dias 24 a 27 de março. A programação científica será composta por Comunicações Orais, Conferências, Minicursos,  Sessões Temáticas, Sessões Pôsteres e Sessão Jovem Doutor. 


- Sobre Pirenópolis:

É uma pequena cidade do interior de Goiás com pouco mais de 23 mil habitantes, tombada como Patrimônio Nacional, que conserva seu aspecto antigo e bucólico. Se destaca por manter uma natureza preservada. É o município goiano que mais Unidades de conservação possui, são ao todo 8 UCs. O Cerrado é a vegetação predominante. Por possuir em seu território diversas altitudes (o Pico dos Pireneus se encontra a 1385m) é possível contemplarmos todas as diversas formações vegetais do Cerrado.

Pirenópolis tem se destacado como polo regional de turismo de aventura devido as suas condições geográficas, que favorecem a atividade. Cercada de morros, matas, rios e cachoeiras, a região oferece caminhadas de curto e longo percurso com mirantes fantásticos e excelente condição para o montanhismo; Rapel em cachoeiras de até 35 metros de queda negativa; Tirolesa com 567 metros de extensão; Rafting de 12 km de percurso e 3 horas de duração; Bóia-cross No Rio das Almas; Arvorismo em mata primária e árvores centenárias e Cavalgadas pelas serras e cerrados.

O Centro Histórico é belíssimo com suas casas coloniais, igrejas e ruas de pedra com bares respeitando a arquitetura histórica. Há ainda museus que contam um pouco de sua história, cultura e folclore.

Considerada como berço da cultura goiana, devido a ser uma das primeiras cidades goianas, possui uma culinária local representada pelos pratos típicos como o arroz com pequi, a pamonha, o empadão, a guariroba, a paçoca de pilão e os doces. Dentro da gastronomia regional brasileira encontramos em Pirenópolis a mineira, a baiana, a carioca, a nordestina, dentre outras.